Todos os dias, neste espaço, divulgo um poema da minha autoria para que a minha inspiração vos possa servir de guia.

Every day, in this space, I spread a poem of my authorship so that my inspiration can serve as a guide to all of you.

Receber poemas por / Receive poems by Email

Translate

domingo, 30 de abril de 2017

Haiku, Haikai , 俳句

fechada no castelo
a princesa não consegue sair.
O perigo é eminente

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
escrito à mão
21 de abril de 2017,
9h10



closed in the castle
The princess can not get out.
The danger is imminent

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
handwritten
April 21, 2017,

9:10 a.m.

sábado, 29 de abril de 2017

A importância das boas ações / The importance of good deeds

Um abraço apertado
Um beijo e um carinho
Uma palavra reconfortante
Estender a mão ao vizinho.

Qualquer gesto voluntário de generosidade
Pode fazer a diferença e ajudar
Nem sempre sabemos
O que o outro poderá estar a passar.

Uma mão no ombro, um olhar de compreensão
é gratuito, mas vale milhões
Nunca devemos descurar
A importância das boas ações

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
Escrito a computador
21 de abril de 2017
18h04


A tight hug
A kiss and a fondness
A comforting word
Reach out to the neighbor.

Any voluntary gesture of generosity
Can make a difference and help
We do not always know
What the other might be going through.

A hand on the shoulder, a look of understanding
It's free, but it's worth millions.
We should never neglect
The importance of good deeds

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
Written to computer
April 21, 2017

6:04 p.m.

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Não há fórmula perfeita para viver / There is no perfect formula for living

A vida é uma odisseia
Uma viagem imprevisível
Dá voltas incontáveis
Ninguém é imbatível.

Momentos de euforia
E de felicidade plena
São seguidos por provações
Que nos levam a pensar sair de cena.

A perfeição não existe
Todos andamos cá para aprender
Cada um leva a vida à sua maneira
Não há fórmula perfeita para viver

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
Escrito a computador
21 de abril de 2017
17h34


Life is an odyssey.
An Unpredictable Journey
It gives countless turns
Nobody can not beat it.

Moments of euphoria
And full happiness.
They are followed by trials
Which lead us to think of leaving the scene.

Perfection does not exist
We all walk here to learn.
Each one takes life his way
There is no perfect formula for living

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
Written to computer
April 21, 2017

5:34 p.m.

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Sinto-me grata / I feel grateful

Sinto-me grata por estar viva
Por ter um tecto e comida na mesa
Por ver o amanhecer todos os dias
E à minha volta tanta beleza.

Agradeço as minhas gatas
E todos os animais que ao longo da vida cuidei.
Reconheço a minha família e amigos
Que no meu percurso encontrei.
Dou graças a tudo o que vivi de bom
E até às lágrimas que chorei.

Ao universo envio
Um sentimento de gratidão
Mesmo em períodos difíceis
Consigo manter um bom coração.

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
Escrito a computador
21 de abril de 2017
16h23


I'm grateful to be alive
Having a roof and food on the table
To see the sunrise every day
And so much beauty surrounds me.

I thank my cats
And all the animals that I have cared for throughout my life.
I recognize my family and friends
That in my journey I found.
I give thanks to everything I have experienced
And even the tears that I cried.

To the universe I send
A feeling of gratitude
Even in difficult times
I can keep a good heart.

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
Written to computer
April 21, 2017

4:23 p.m.

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Quero sonhar / I want to dream

Quero sonhar,
Permito-me ser feliz
Sou livre e independente
Para experimentar tudo o que ainda não fiz.

Deixo a mente voar
Ocupo o pensamento
Não me quero preocupar
Apenas usufruo do tempo.

Pelo mundo deixo-me viajar
Os meus lábios conseguem sorrir
As dificuldades faço por serenar
Deixando a imaginação fluir.

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
Escrito a computador
21 de abril de 2017
15h31


I want to dream,
I allow myself to be happy
I am free and independent
To experience everything I have not yet done.

I let my mind fly
I occupy the thought
I do not want to worry
Just enjoy the time.

For the world I let myself travel
My lips can smile
Difficulties I do for serenading
Letting the imagination flow.

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
Written to computer
April 21, 2017

3:31 p.m.

terça-feira, 25 de abril de 2017

Quarenta e três anos de liberdade / Forty-three years of freedom

Quatrocentos e setenta e oito dias
antes de eu nascer houve uma revolução
nascida na “liberdade”
Do pós Abril é a minha geração.

Muitas coisas melhoraram
Outras geraram indignação
Contudo à luz do tempo
A democracia é sempre a melhor opção.

Um cravo na lapela
Sem armas na mão
Hoje vivemos num país bem diferente
Nesta ensolarada nação.

Portugal tem futuro
Gente boa com imaginação
Viva a liberdade!
Viva a Revolução!

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
Escrito a computador
21 de abril de 2017
15h18



Four hundred and seventy-eight days
Before i was born there was a revolution
Born in "freedom"
The post-april is my generation.

Many things have improved
Others have generated outrage
However in the light of time
Democracy is always the best option.

A clove in the lapel
No weapons in hand
Today we live in a very different country.
In this sunny nation.

Portugal has a future.
Good people with imagination
Long live freedom!
Long live the Revolution!

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
Written to computer
April 21, 2017

3:18 p.m.

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Melro preto de bico laranja / Blackbird with orange beak

Melro preto de bico laranja
que do telhado espreita
discreto e saltitante
da comida do cão ele se aproveita.

Ao fundo passa o gato Tobias
está apenas de passagem,
grande e atrevido
com uma bela roupagem.

O sol está alto,
corre uma leve aragem.
Arrolam as rolas
Eu aprecio a beleza da paisagem.

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
Escrito a computador
21 de abril de 2017
13h15



Blackbird with orange beak
Which of the roof lurks
Discreet and bouncy
Of dog food he takes advantage of.

In the background passes the cat Tobias
Is just passing through,
Big and daring
With a beautiful outfit.

The sun is high,
Runs a slight puff.
Roll the rolls
I appreciate the beauty of the landscape.

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
Written to computer
April 21, 2017

1:15 p.m.

domingo, 23 de abril de 2017

Haiku, Haikai , 俳句

gata clara lambe a escura
simplesmente para a lavar.
Ao som da música relaxo

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
escrito à mão
20 de abril de 2017,
23h15



light cat licks the dark
Simply to wash it.
To the sound of the music I relax

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
handwritten
April 20, 2017,

11:15 p.m.

sábado, 22 de abril de 2017

A vida quer me tornar mais forte / Life wants to make me stronger

A vida quer me tornar mais forte
E eu depressa quero aprender
Não tenho medo da morte
O meu maior receio é sofrer.

Costumo ser boa discípula
Supero muitas vezes o mestre
Quero sinceramente superar
Para que a minha vida se adestre.

Mantenho a cabeça à tona
Mesmo com o corpo a afogar
Esta é apenas uma fase difícil
Eu sei que vou superar.

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
Escrito a computador
21 de abril de 2017
11h14



Life wants to make me stronger.
And I quickly want to learn.
I'm not afraid of death.
My greatest fear is to suffer.

I tend to be a good disciple
I often exceed the master
I really want to get over it
So that my life adder.

I keep my head afloat.
Even with the body drowning
This is only a difficult phase.
I know I'll get over it.

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
Written to computer
April 21, 2017

11:14 a.m.

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Porquê eu? / Why me?

Porquê eu?
Não que deseja-se tão má sorte a alguém.
Porquê agora?
Como se houvesse um dia ideal para adoecer.
O que tenho de aprender com isto?
Não haveria outra forma de aprender.
Como posso lutar?
Se é que há forma certa de o fazer.
Quem poderei ajudar?
Este é o melhor dom que tenho para oferecer.
A cabeça enche-se de dúvidas
Medos, receios, inseguranças
A única certeza que tenho neste momento
É de que quero vencer.

Sentada à secretária, no meu quarto, em casa dos meus pais
Escrito a computador
19 de abril de 2017
16h56


Why me?
Not that I want such bad luck to anyone.
Because now?
As if there was an ideal day to get sick.
What do I have to learn from this?
There would be no other way to learn.
How can I fight?
If there is any right way to do it.
Who can I help?
This is the best gift I have to offer.
The head is full of doubts.
Fears, dread, insecurities
The only certainty I have right now
It is that I want to win.

Sitting at my desk in my room at my parents' house.
Written to computer
April 19, 2017

4:56 p.m.

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.